blog

Como é feita a lipoaspiração na barriga? Riscos? Doi? Preço?

A Lipoaspiração auxilia na remoção de gordura, promovendo uma aparência corporal magra e contornada. A insatisfação com o corpo é comum e um médico capacitado pode auxiliar na identificação do procedimento ou tratamento que se adapta mais ao paciente.

A lipoaspiração é um procedimento cosmético usado para remover a gordura corporal indesejada.

Trata-se de sugar pequenas áreas de gordura que são difíceis de perder através de exercícios e uma dieta saudável. É realizado em áreas do corpo onde os depósitos de gordura tendem a se acumular, como nádegas, quadris, coxas e barriga. Quer saber mais sobre procedimentos cirúrgicos, entre em contato conosco em https://guiadaplastica.com.br/

O objetivo é alterar a forma do corpo, e os resultados geralmente são duradouros, desde que você mantenha um peso saudável.

Funciona melhor em pessoas com peso normal e em áreas onde a pele é tensa.

A lipoaspiração realizada por razões estéticas normalmente não está disponível no NHS. No entanto, a lipoaspiração às vezes pode ser usada pelo NHS para tratar certas condições de saúde, como:

  • linfedema – uma condição de longo prazo que causa inchaço nos braços e pernas
  • lipoedema – uma condição em que há um acúmulo anormal de gordura nas pernas, nádegas e coxas

Se você está pensando em fazer uma lipoaspiração por razões estéticas, pense com muito cuidado antes de ir em frente. Pode ser caro, os resultados não podem ser garantidos e há riscos a serem considerados. É uma boa ideia informar o seu médico primeiro. Certifique-se de que a cirurgia estética é adequada para você.

Quais áreas a Lipoaspiração pode ser realizada?

A Lipoaspiração elimina o reduz o excesso de gordura localizada que não responde a exercícios físicos e dieta. Pode ser realizada em diversas áreas, como:

  • Braços
  • Coxas
  • Ancas
  • Abdômen
  • Cintura
  • Pescoço
  • Área do peito masculino

O objetivo da lipoaspiração não é a perda de peso, sendo considerada mais eficaz em pessoas que estejam em seu peso ideal, mas que desejam mudanças no contorno do corpo.

Quem pode fazer Lipoaspiração?

A Lipoaspiração pode ser realizada por pessoas que desejam ter uma aparência mais contornada do corpo. Em geral, é necessário ter uma boa saúde física e psicológica, não possuir condições médicas crônicas descontroladas, entender os riscos e os objetivos específicos da cirurgia.

A Lipoaspiração não é indicada em pacientes com IMC superior ou igual a 30, com doenças imunológicas e anemia, doenças crônicas e doenças cardíacas.

O que devo saber antes?

O primeiro passo é consultar o seu cirurgião. Fale sobre seus objetivos, as opções, os riscos e benefícios e os custos. Faça todas as suas perguntas.

Se você decidir prosseguir com a lipoaspiração, seu cirurgião lhe dará instruções sobre como se preparar para isso. Estes podem incluir restrições de dieta e álcool.

Informe o seu cirurgião sobre quaisquer alergias que você tenha e quaisquer medicamentos que você tome, incluindo suplementos de ervas e sem receita . Eles provavelmente recomendarão que você pare de tomar certos medicamentos, como anticoagulantes e certos analgésicos, várias semanas antes da cirurgia.

Como é feita a lipoaspiração?

A lipoaspiração é um procedimento cirúrgico que utiliza anestesia e sedação.

O cirurgião realizará pequenas incisões na área a ser tratada. Será inserida uma cânula através das incisões e com movimentos para frente e para trás o tecido adiposo será rompido e assim será possível remover a gordura através da sucção realizada pela cânula.

O cirurgião fechará as incisões assim que terminar de remover a quantidade programada de gordura e colocará uma roupa de compressão para auxiliar na recuperação dos tecidos.

Vibrolipo

Aparelho que auxilia na remoção da gordura, a cânula de lipoaspiração produz um movimento vibratório que facilita e diminui a resistência da gordura.

A mangueira é conectada em um sistema de vácuo no aparelho enquanto o cirurgião insere a cânula na região a ser lipoaspirada. São produzidos movimentos para frente e para traz que auxiliados pela  vibração  aprimoram a remoção de gordura.

Vaserlipo

O aparelho produz e controla ondas de ultrassom pela cânula que dissipam as moléculas de gorduras facilitando a remoção. Primeiramente é introduzida uma cânula sem furo que emulsifica a gordura e em seguida é inserida a cânula de lipoaspiração que suga a gordura liquefeita.

Pós-operatório da Lipoaspiração

Após o procedimento o paciente será medicado para dor e orientado com os cuidados a serem tomados em casa.

Na recuperação podem surgir áreas inchadas, doloridas e machucadas, mas normalmente esses sintomas desaparecem com o tempo.

É importante que o paciente faça repouso e evite exercícios físicos extenuantes para evitar complicações. Conforme orientações médicas podem ser realizadas caminhadas curtas para auxiliar na circulação sanguínea.

As roupas de compressão devem ser utilizadas cerca de um mês para aliviar o inchaço e controla-lo.

Efeitos colaterais esperados 

É comum após a lipoaspiração ter:

  • hematomas e inchaço , que podem durar até 6 meses
  • dormência , que deve desaparecer em 6 a 8 semanas
  • cicatrizes
  • inflamação da área tratada, ou as veias por baixo
  • fluido proveniente dos cortes
  • tornozelos inchados (se as pernas ou tornozelos forem tratados)

Riscos da Lipoaspiração

Qualquer procedimento cirúrgico pode ocasionar um resultado não satisfatório. Durante a cirurgia e no processo de recuperação podem ocorrer alguns resultados inesperados, como:

  • Flacidez na área onde a pele foi lipoaspirada.
  • Alterações na pele.
  • Insuficiência na circulação sanguínea (Necrose).

Casos raríssimos de perfuração visceral e embolia pulmonar podem ocorrer. Por isso é aconselhável que o candidato à cirurgia plástica pesquise sobre o médico suas referências e se é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, se possível converse com pacientes que já realizaram procedimentos cirúrgicos com o médico e esclareça todas as suas duvidas antes de realizar o procedimento.

Fonte de Reprodução: Getty Images

Caso o paciente sinta algum desconforto anormal deve procurar o cirurgião que realizou o procedimento.

O que fazer se você tiver problemas  

A cirurgia estética às vezes pode dar errado e os resultados podem não ser o que você esperava.

Você deve entrar em contato com a clínica onde a operação foi realizada o mais rápido possível se tiver dor intensa ou quaisquer sintomas inesperados.

Se você faz lipoaspiração e não está satisfeito com os resultados, ou acha que o procedimento não foi realizado corretamente, deve levar o assunto ao seu cirurgião através do hospital ou clínica onde foi atendido.

Quem não deve ter

A lipoaspiração não é um tratamento para a obesidade e não remove celulite ou estrias .

É realmente adequado apenas para pessoas que tentaram mudar seu estilo de vida e descobriram que isso não ajudou.

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Lipoaspira%C3%A7%C3%A3o

facebook
Twitter

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *